Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.2/3126
Registo completo
Campo DCValorIdioma
dc.contributor.authorAmorim, Maria Marta Amancio-
dc.contributor.authorRamos, Natália-
dc.contributor.authorBento, Isabel Cristina-
dc.contributor.authorGazzinelli, Maria Flávia-
dc.date.accessioned2014-05-03T06:57:52Z-
dc.date.available2014-05-03T06:57:52Z-
dc.date.issued2013-
dc.identifier.citationRamos, Natália [et al.] - Intervenção educativa na diabetes mellitus. "Psicologia, Saúde & Doenças" [Em linha]. ISSN 2182-8407. Vol. 14, nº 1 (2013), p. 168-184por
dc.identifier.issn2182-8407-
dc.identifier.urihttp://hdl.handle.net/10400.2/3126-
dc.description.abstractO objetivo do estudo foi propor um modelo de intervenção educativa pautado na mudança comportamental, que dialogue com as representações sociais para 34 utentes com diabetes mellitus tipo 2 da atenção primária à saúde de Belo Horizonte/Brasil. Coletaram-se os dados sócio-demográficos, clínicos e antropométricos e, através de entrevistas semi-estruturadas, fez-se um levantamento das opiniões dos participantes em relação à identidade e à alimentação. Os discursos foram categorizados e analisados pela análise de conteúdo. Para ilustrar o modelo proposto da abordagem no processo de acção em saúde, utilizou-se o estudo de caso. Esse modelo inclui, na fase motivacional, a intenção, como um processo decisório pelo qual um indivíduo poderá adotar uma ação preventiva, e as representações sociais apreendidas dos participantes sobre os resultados esperados e a perceção de risco. Na fase volitiva, incluiu-se a resolução de problemas. As representações sociais levantadas e a autoeficácia influenciam a construção cognitiva dos planos de acção.por
dc.description.abstractThe aim of this study was to propose an educational intervention based on social representations from a review of models of behavioral change. To illustrate the model we used part of the empirical representations of identity and feeding of 34 users with type 2 diabetes mellitus in a primary care unit in Belo Horizonte/Brazil. We selected to adopt the health approach process action, because this model considers the motivational stage the social representations about the contingencies that influence health behavior desired, expected outcomes, risk perception and intention as a decision-making process by which an individual may adopt a preventive measure or change risk behavior for others. In the volitional phase we included the resolution of problems. Social representations of acceptance to be diabetic and those related to feeding and self-efficacy influence the cognitive construction of action plans.por
dc.language.isoporpor
dc.rightsopenAccesspor
dc.subjectTeorias e modelos de aprendizagempor
dc.subjectProcesso de ação em saúdepor
dc.subjectIntervenção educativa em saúdepor
dc.subjectDiabetes mellitus tipo 2por
dc.subjectRepresentações sociaispor
dc.subjectTheories and models of learningpor
dc.subjectThe health approach process actionpor
dc.subjectHealth education interventionpor
dc.subjectDiabetes mellitus type 2por
dc.subjectSocial representationspor
dc.titleIntervenção educativa na diabetes mellituspor
dc.typearticlepor
degois.publication.firstPage168por
degois.publication.lastPage184por
degois.publication.titlePsicologia, Saúde & Doençaspor
dc.peerreviewedyespor
Aparece nas colecções:CEMRI - Artigos em revistas internacionais / Papers in international journals

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
MA e NRamos.pdf INTERVENÇÃO EDUCATIVA NA DIABETES MELLITUS.pdf412,27 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.