Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.2/724
Título: O desejo de ter um filho…: as vivências do casal infértil
Autor: Delgado, Maria João Coito
Orientador: Ramos, Natália
Palavras-chave: Saúde
Psicologia
Ansiedade
Infertilidade
Reprodução (biológica)
Fecundidade
Sofrimento
Família
Data de Defesa: 2007
Citação: Delgado, Maria João Coito - O desejo de ter um filho.... [Em linha] : as vivências do casal infértil. Lisboa : [s.n.], 2007. 213 p.
Resumo: Um casal é considerado infértil quando não ocorre uma gravidez, após um ano de relações sexuais regulares não protegidas. A infertilidade tem vindo a ser descrita como uma crise importante que comporta uma dimensão física, psíquica, emocional e socio-cultural. O presente estudo, exploratório, de tipo descritivo, tem como objectivo central, conhecer as vivências do casal infértil, que deseja ter filhos. Para a compreensão da infertilidade valorizou-se como esta é sentida, vivida e compreendida pelos próprios indivíduos. Para tal, foi realizada uma entrevista semi-estruturada a dez casais inscritos numa consulta de Medicina da Reprodução. Para a análise dos dados foi utilizada a metodologia qualitativa, através da análise de conteúdo dos discursos produzidos pelos participantes. Os resultados colocaram em evidência que as implicações da infertilidade se manifestam a um nível multidimensional: físico, psicológico, conjugal e social, cujas repercussões são maioritariamente negativas, conduzindo à utilização de estratégias de coping por parte dos indivíduos inférteis. Foi também reconhecido o carácter perturbador do percurso diagnóstico e terapêutico, sendo este identificado como fonte iatrogénica de dificuldades, inerentes ao funcionamento dos serviços de saúde, aos procedimentos e à relação estabelecida com os profissionais de saúde. Os elementos dos casais reconhecem os profissionais como uma fonte de informação e suporte, sendo realçada a valorização da sua competência técnica como um meio de obtenção da desejada gravidez. Paralelamente é referida a necessidade de lhes ser proporcionado um maior apoio psicológico profissional de forma a facilitar a resolução da crise gerada pela infertilidade. Apesar das dificuldades apontadas, emerge dos discursos produzidos o desejo de um filho biológico, estando determinados a utilizar todos os recursos disponíveis na esperança de satisfazer o seu desejo de procriar
A couple is considered infertile when no pregnancy occurs one year after nonprotected regular sexual intercourse. Infertility is being discribed as an important crisis which holds a physical, psychocological, emotional and socio-cultural dimension. The main pourpose of the present study, of a descriptive type, is to get acquainted with the experience of infertile couple who wish to bear children. In order to be understood, infertility was evaluated on how it is experienced and felt by the infertile individuals. Bearing that in mind, a half-structured interview was carried out on ten infertile couples. The qualitative methodology was used on data analysis, using contents analysis of the speeches produced by the participants. The results put into evidence that infertility implications present a multidimensional level: physical, psychological, marital and social, whose repercussions are largely negative, leading to the use of coping strategies by the infertile persons. It was also acknowledged the disturbing character of diagnostic and therapeutic course, that was identified as a difficulties source, related to the functioning of the health services, the procedures and the relationship established with the health professionals. The participants recognize the professionals as a source of information and support and refer their technical competence as a way to achieve the desiredpregnancy. The need to have a stronger psychological support is mentioned as a way to ease the infertility crises. In spite of all the difficulties, the wish of a biological child is shown in the speeches presented, as weel as the determination to use all means available to the fulfilment of their wish to procreate
Descrição: Dissertação de Mestrado em Comunicação em Saúde apresentada à Universidade Aberta
URI: http://hdl.handle.net/10400.2/724
Aparece nas colecções:Mestrado em Comunicação em Saúde / Master's Degree in Health Communication - TMCS

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TMCS_MariaJoãoDelgado.pdf690,44 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.