Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.2/719
Título: Acidentes de serviço em profissionais de saúde: identificação, representações e comportamentos face à exposição microbiológica acidental
Autor: Arrabaço, Maria de Fátima dos Santos Ramalho
Orientador: Ramos, Natália
Palavras-chave: Sociologia da saúde
Pessoal de saúde
Segurança no trabalho
Acidentes
Acidente de trabalho
Comportamento
Stress
Doenças
Data de Defesa: 2008
Citação: Arrabaço, Maria de Fátima dos Santos Ramalho - Acidentes de serviço em profissionais de saúde [Em linha] : identificação, representações e comportamentos face à exposição microbiológica acidental. Lisboa : [s.n.], 2008. 251 p.
Resumo: Os acidentes de serviço por exposição microbiológica acidental constituem um dos principais riscos de transmissão ocupacional de infecções por contacto com sangue e outros fluidos corporais, os agentes infecciosos mais frequentemente envolvidos são os vírus da hepatite B, C e o vírus da imunodeficiência humana (VIH). Tratou-se de um estudo descritivo e exploratório, inserido numa abordagem quantitativa e qualitativa. Teve como objectivo identificar e caracterizar os acidentes de serviço/trabalho por exposição microbiológica acidental ocorridos nos profissionais de saúde do Centro Hospitalar de Lisboa Central, E.P.E./Hospital de S. José durante os anos de 2002 a 2006 e conhecer as Representações e os Comportamentos dos profissionais de saúde aquando da ocorrência de uma exposição microbiológica acidental. Os participantes deste estudo foram os profissionais de saúde (médicos, enfermeiros e técnicos de diagnóstico e terapêutica) e que tenham sofrido um acidente de serviço/trabalho com exposição microbiológica acidental do ano de 2002 até Julho do ano de 2007, constituiu-se uma amostra não probabilistica utilizando a técnica de amostragem por conveniência, constituída por 20 participantes que se disponibilizaram a participar no estudo após o Consentimento Informado. Para a realização do estudo optou-se por recorrer a um conjunto de métodos de colheita de dados, privilegiando a análise documental através do questionário epidemiológico de caracterização e análise dos acidentes de serviço e de uma entrevista semi-directiva no âmbito da qual se aplicou um questionário de caracterização sóciodemográfica, apoio social e actividades de tempos livres, aspectos relacionados com a percepção sobre os riscos a que se encontram expostos no ambiente hospitalar e com o circuito de notificação do acidente de serviço/trabalho. Elaborou–se um guião de entrevista semi-directiva de acordo com os objectivos da investigação. Procedeu-se, posteriormente, à análise dos acidentes de serviço que envolveram exposição microbiológica durante o período em estudo e dos dados sócio-demográficos do questionário aplicado no âmbito da entrevista, através do programa informático pakage estatístico “Statistica/Program for Social Sciences-SPSS" para Windows (versão 12). O tratamento das entrevistas foi efectuado através da análise de conteúdo. Os resultados obtidos revelaram que os acidentes de serviço ocasionados por material perfuro-cortante entre os profissionais de saúde são frequentes devido ao número elevado de manipulação destes instrumentos, principalmente de agulhas e apresentam prejuízos aos profissionais e à Instituição. Estes acidentes podem oferecer riscos à saúde física e mental dos profissionais de saúde, com repercussões psicossociais, levando a mudanças nas relações sociais, familiares e de trabalho. A prevenção dos acidentes de serviço por exposição microbiológica passa essencialmente pela introdução de dispositivos médicos com sistemas de segurança, por práticas de trabalho seguras, e pela formação dos profissionais de saúdel
Work accidents with accidental microbiological exposure constitute one of the main risks in occupational transmission of infections through contact with blood and other human fluids. The more frequent infectious agents involved are the viruses of the hepatitis B, C and the human immunodeficiency virus (HIV). This was a descriptive and exploratory study, inserted in a quantitative and qualitative boarding. The aim of this study was the identification and description of work accidents with microbiological exposure which occurred among health care workers of the Centro Hospitalar de Lisboa Central, E.P.E./Hospital de S. José from the year 2002 to the year 2006 and the understanding of the Representations and the Behaviours at health professionals during the occurrence of a microbiological accidental exposure. The participants in this study had been the health care workers (doctors, nurses and diagnosis therapists) that have suffered a work accident with accidental microbiological exposure, from 2002 until July of 2007. It consisted in a non probability sample using the sampling technique of convenience, composed by 20 participants that contribute to the study after Informed Assent. For the achievement of the study the option was appealing to a set of methods of harvest data, privileging the documentary analysis through the epidemiologic questionnaire for characterization and analysis of work accidents. It was also applied an “half-directive" interview in which it had been made a questionnaire of partnerdemographic description, risk exposure perception in hospital environment, and also the perception about notification circuit. An “half-directive" interview guide have been elaborated in accordance with the goals of the inquiry. The work accidents involving microbiological exposure have been analysed with "Statistica/Program will be Social Sciences-SPSS" for Windows (version 12) software. The interviews management were made through the analysis content. The results revealed that perforate-cutting material related accidents are frequent because of the highest handling of this instruments, mostly associated with the use of needles. These accidents involve physical and mental health risks with psychosocial repercussions, implying changes in the social, familiar and work relations
Descrição: Dissertação de Mestrado em Comunicação em Saúde apresentada à Universidade Aberta
URI: http://hdl.handle.net/10400.2/719
Aparece nas colecções:Mestrado em Comunicação em Saúde / Master's Degree in Health Communication - TMCS

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
LC421.pdf1,76 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.