Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.2/626
Título: Atitudes dos alunos brancos em relação a alunos negros
Autor: Oliveira, Elisabete Rute Fernandes Lima de
Orientador: Neto, Félix
Palavras-chave: Educação
Educação intercultural
Imigração
Alunos
Atitude
Relações interpessoais
Raça
Negros
Estereótipo
Preconceito
Data de Defesa: 2007
Resumo: Resumo - O objectivo central da dissertação é de analisar as atitudes que uma amostra de adolescentes brancos, de uma escola do Porto, evidenciam em relação aos seus colegas negros (portugueses ou não). Partindo deste e de outros objectivos, bem como de um conjunto de hipóteses de trabalho, explanamos e reflectimos sobre a situação nacional no que concerne às migrações e à educação intercultural. Seguidamente, principiamos uma reflexão teórica enquadrada no campo de acção da Psicologia Social, a qual inclui os seguintes pontos: • Uma exposição das abordagens teóricas e metodológicas que têm vindo a ser conduzidas sobre as atitudes. • Uma breve abordagem do preconceito como atitude; • Uma sucinta revisão de literatura sobre dois dos tipos de abordagens cognitivas da origem do preconceito: categorização social e estereótipos (de particular relevância para este estudo). • Uma resumida explanação sobre - satisfação com a vida, distância social e religião - variáveis sócio-psicológicas que achamos poder, de algum modo, interferir nas atitudes dos alunos brancos perante os alunos negros. Após o enquadramento teórico e com base no mesmo, é planeado um estudo empírico baseado na construção de um questionário a aplicar numa amostra de 221 alunos brancos. As hipóteses, inicialmente, formuladas são confrontadas com os resultados encontrados, sendo retiradas as respectivas e possíveis conclusões. Por fim, a conclusão onde reflectimos um pouco sobre os objectivos do estudo inicialmente formulados
The aim of the dissertation is to analyse the attitudes which a sample of white adolescents from a school in Oporto show related to their black classmates (Portuguese or not). Starting from this and other aims, as well as from a number of hypotheses of work, we explain and think over the national situation in what migrations and intercultural education are concerned. Afterwards, we begin a theoretical reflection within the Social Psychology, which includes the following points: • A presentation of the theoretical and methodological approaches that have been followed about the attitudes. • A brief approach to the prejudice as an attitude; • A short literature revision on two of the types of cognitive approaches on the origin of the prejudice: social levels and stereotypes (these being particularly relevant to this study). • A summarized explanation about – being satisfied with life, social distance and religion – those being socio-psychological varieties which we think can, in a certain way, interfere with the attitudes of the white students towards the black ones. After the theoretical approach and inspired on it, it is planned an empirical study based on the construction of a questionnaire done on a sample of white students. The hypotheses, initially formulated are confronted with the results achieved, and the possible conclusions are taken. Finally, the conclusion where we think a bit over the aims of the study we have initially formulated
Descrição: Dissertação de Mestrado em Relações Interculturais apresentada à Universidade Aberta
URI: http://hdl.handle.net/10400.2/626
Aparece nas colecções:Mestrado em Relações Interculturais / Master's Degree in Intercultural Relations - TMRI

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
LC317.pdf1,49 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.