Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.2/3897
Título: Errar faz parte de aprender : instrumentos alternativos de avaliação da aprendizagem na disciplina de inglês no 2º Ciclo
Autor: Murçós, Ana Paula da Cruz
Orientador: Amante, Lúcia
Palavras-chave: Ensino de inglês
Aprendizagem de línguas
Avaliação
Avaliação formativa
Autoavaliação
Blog
Portefólio
Formative assessment
Alternative assessment tools
Self-assessment
Learning
Data de Defesa: 2014
Citação: Murçós, Ana Paula da Cruz - Errar faz parte de aprender [Em linha] : instrumentos alternativos de avaliação da aprendizagem na disciplina de inglês no 2º Ciclo. Lisboa : [s.n.], 2015. 185 p.
Resumo: O foco deste estudo centra-se na avaliação formativa, designadamente procurando averiguar o contributo de diferentes instrumentos de avaliação tendo em vista o sucesso no processo de ensino-aprendizagem. Desde 1986, com a Lei de Bases 46/89, que sucessivos Despachos Normativos têm vindo a referenciar a necessidade da aplicação de instrumentos de avaliação exigentes, mas diversificados. Designadamente a utilização de instrumentos de avaliação alternativa como forma de fomentar uma prática pedagógica mais produtiva, centrada na aprendizagem e na sua regulação, com a participação ativa dos alunos. Optámos por utilizar em contexto de sala de aula, instrumentos de avaliação formativa sistemática através da criação de um portefólio, blogue e a aplicação dos testes em duas fases e verificar as suas vantagens e limitações. Elegemos o diário de bordo como o instrumento principal de recolha de dados, assim como o inquérito por questionário e entrevistas num trabalho de natureza qualitativa e que apresenta características de investigação-ação.
The aim of this study intends to rely on a formative assessment, mainly trying to find out the contribution of alternative demanding assessment instruments bearing in mind the success in the teaching-learning process. Since 1986, with the introduction of the Lei de Bases 46/89 successive Despachos Normativos have been mentioning the need to apply alternative demanding assessment instruments but diversified. Above all the need to apply assessment alternative instruments as a means of reinforcing a more productive pedagogical practice focused on the learning and in the regulation with the active participation of students. We chose to use in the classroom context systematic formative assessment instruments through the creation of a portfolio, blog and the application of the two phases tests and to find out its advantages and disadvantages. We chose the day-book notes as the main instrument of data gathering, as well as the inquiry through a questionnaire and interviews in qualitative work that presents action-research methodology.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Supervisão Pedagógica apresentada à Universidade Aberta
URI: http://hdl.handle.net/10400.2/3897
Aparece nas colecções:Mestrado em Supervisão Pedagógica / Master's Degree in Pedagogical Supervision - TMSP

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TMSP_AnaPaulaMurçós.pdf2,7 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.