Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.2/3243
Título: Da representação do espaço ao diálogo com a alteridade : uma leitura de Joseph Conrad e Ferreira de Castro
Autor: Costa, Ana Maria da Silva Tavares Guimarães Soares da
Orientador: Avelar, Mário
Palavras-chave: Castro, Ferreira de, 1898-1974
Conrad, Joseph, 1857-1924
Literatura inglesa
Literatura portuguesa
Literatura comparada
Alteridade
Otherness
Isolation
Nature
Jungle
River
self-knowledge
Data de Defesa: 2013
Citação: Costa, Ana Maria da Silva Tavares Guimarães Soares da - Da representação do espaço ao diálogo com a alteridade [Em linha] : uma leitura de Joseph Conrad e Ferreira de Castro. Lisboa : [s.n.], 2013. 571p.
Resumo: Apesar do espaço e do tempo que separam “An Outpost of Progress” e Heart of Darkness, de Joseph Conrad, e A Selva e Instinto Supremo, de Ferreira de Castr,o pareceu-nos possível reflectir sobre eventuais analogias não só na representação do espaço como das estratégias de diálogo com a alteridade. Nesta perspectiva, a existência do Outro, por vezes o Mesmo, assume protagonismo. Deste modo, o confronto com o espaço, com quem nele habita e, consequentemente, consigo próprio, consubstancia-se no trabalho apresentado. Atendendo à natureza eclética de que estas obras se revestem, recorremos, em termos de metodologia crítica, a uma estratégia interdisciplinar. Esta abordagem prismática revelou-se pertinente para um melhor entendimento da diversidade que percorre espaço e personagens que nele actuam e com ele se confrontam. Decorrente desta opção, e na intenção de clareza e equilíbrio nos tópicos abordados e na articulação entre eles estabelecida, optámos por uma metodologia que se traduziu na estruturação do trabalho em três capítulos. O primeiro centrou-se nas duas obras de Conrad que foram analisadas individualmente, obedecendo aos tópicos por nós considerados relevantes, nomeadamente …. Os conflitos entre os diferentes agentes intervenientes nestes espaços são assim analisados de acordo com aqueles vectores tópicos. Apesar deste enfoque no espaço, enfatizamos o factor humano que continua a ser objecto de reflexão e análise no seu diálogo com a alteridade. A dicotomia exterior/interior estará presente na forma como a envolvência é perspectivada por quem a observa, ao mesmo tempo que tentamos compreender de que forma ela pode influenciar, ou não, quem habita aquele espaço. O segundo capítulo replica estruturalmente o primeiro, sendo A Selva e Instinto Supremo, de Ferreira de Castro, objecto de análise. Os pontos e subpontos, que subscrevem um rumo idêntico ao verificado no primeiro capítulo, salvaguardam contudo a especificidade das obras em estudo. O terceiro capítulo agrega as semelhanças e dissemelhanças das quatro narrativas em análise, numa perspectiva comparatista, representa o corolário do trabalho. Nele verificámos que as semelhanças referentes aos subpontos selecionados se encontravam em maior número do que as dissemelhanças, numa confirmação do que, ao longo da leitura analítica, se foi delineando.
Despite the space and time that separate "An Outpost of Progress" and Heart of Darkness by Joseph Conrad, and A Selva and Instinto Supremo by Ferreira de Castro it seemed to be possible to reflect on possible analogies not only in the representation of space as the strategies for dialogue with otherness. In this perspective, the existence of the Other, sometimes the Same, assumes relevance. Thus, the confrontation with the space, who dwells in it and thus with himself, is embodied in the submitted work. Given the eclectic nature of these works, and in terms of critical methodology, we have turned to an interdisciplinary strategy. This prismatic approach proved relevant for a better understanding of the diversity that traverses space and characters that act in it and also confront it. Under this option, and the intention of clarity and balance in the topics covered and the articulation between them established, we opted for a methodology which led to the structuring of work in three chapters. The first focused on the two works by Conrad that were analyzed individually, according to the topics that we considered relevant, namely: “White versus White. White versus Native” and its connection with “Space Environment”. Conflicts between the different actors involved in these spaces are therefore analyzed according to those vectorial topics. Despite this focus on space, we emphasize the human factor that remains the subject of reflection and analysis in the dialogue with otherness. The dichotomy exterior / interior will be present in the way the surroundings is viewed by those who observe it, while we try to understand how it can influence or not, who inhabits that space. The second chapter structurally replicates the first being A Selva and Instinto Supremo by Ferreira de Castro, the subject of analysis. However the points and sub-points, which subscribe to a course identical to that seen in the first chapter, safeguard the specificity of the works studied. The third chapter that aggregates the similarities and dissimilarities of the four analyzed narratives in a comparative perspective, is the corollary of the work. Then it was found that the similarities regarding the selected sub-points were more than the dissimilarities, a confirmation of what was outlining along the analytical reading.
Descrição: Tese de Doutoramento em Literatura apresentada à Universidade Aberta
URI: http://hdl.handle.net/10400.2/3243
Aparece nas colecções:Literatura Inglesa / English Literature

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Ana_Costa_TD.pdf182,74 MBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.