Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.2/3183
Título: A estratégia de auditoria orientada para a gestão dos riscos de negócio : contributos para a necessária alteração na abordagem
Autor: Rodrigues, João Jorge de Oliveira
Orientador: Porfírio, José
Marques, Maria da Conceição da Costa
Palavras-chave: Auditoria
Gestão
Auditor
Risco
Negócios
Estratégias
Controlo de gestão
Metodologia
Normalização
Risk
Materiality
Methodology
Business risk management
COSO
Data de Defesa: 2013
Citação: Rodrigues, João Jorge de Oliveira - A estratégia de auditoria orientada para a gestão dos riscos de negócio [Em linha] : contributos para a necessária alteração na abordagem. Lisboa : [s.n.], 2013. 314 p.
Resumo: A metodologia do trabalho de auditoria tem evoluído ao longo do tempo. Em Portugal, a profissão completou recentemente quarenta anos e as metodologias adotadas variam consoante o tipo de auditor. As exigências no mundo atual são enormes: a ética dos gestores é debatida, o modelo de relato financeiro enfrenta importantes desafios, exigindo os stakeholders informação focalizada nas perspetivas futuras e, por outro lado, informação transparente. Os gestores têm-se sentido pressionados a apresentar cada vez melhores resultados. Como elemento credibilizador da informação financeira, o auditor tem um papel decisivo neste contexto. Os escândalos financeiros ocorridos há poucos anos tiveram importantes consequências na profissão de auditoria. A sua utilidade foi questionada mas o caminho seguido traduziu-se numa regulação pública da profissão, a qual foi forçada a melhorar a sua metodologia, concentrando-se numa abordagem focalizada no risco de negócio, tendo por base o conhecimento do negócio e o enfoque nos controlos e riscos de gestão, por oposição à auditoria tradicional, muito centrada em exames documentais. Na auditoria centrada nos riscos da entidade, o auditor procura entender o negócio do cliente e riscos associados, verifica como os gestores gerem esses riscos, valida controlos e asserções e efetua exame de transações na medida do estritamente necessário. Formular uma adequada estratégia de auditoria implica conhecer profundamente o negócio do cliente, os riscos de negócio, o ambiente de controlo do cliente e estudar e avaliar o sistema de controlo interno. O objetivo da presente investigação consistiu, através de um trabalho empírico, em aferir a metodologia atualmente seguida em Portugal pelos revisores oficiais de contas, procurando analisar eventuais falhas à luz da teoria, e tentar apresentar contributos para a sua melhoria. As conclusões revelaram que, apesar de existir uma preferência pela auditoria com base no risco do negócio, como forma de reduzir o denominado risco de auditoria, a mesma não é amplamente seguida. Variados constangimentos foram apontados, destacando-se os constrangimentos financeiros, falta de preparação da equipa de auditoria, bem como alguma dificuldade em superar barreiras colocadas pelos clientes. Por outro lado, notou--se a falta de envolvimento de especialistas em auditoria informática, o que poderá ser uma importante limitação à qualidade do trabalho de auditoria, tendo em conta o significativo uso de processamento automático da informação. Por fim, poderá concluir--se que os utentes das demonstrações financeiras estão cada vez mais preocupados com a qualidade da informação e do relatório dos auditores, o mesmo não se verificando no que se refere aos gestores.
The audit methodology has evolved over time. In Portugal, the profession has recently completed forty years, and the methodologies used vary depending on the type of auditor. The requirements in today's world are huge: the ethics of managers is discussed, the financial reporting model faces significant challenges, demanding stakeholders focused information on future prospects and, on the other hand, transparent information. Managers have felt increasingly pressured to provide better results. As part crediting of financial information, the auditor has a role in this context. The financial scandals a few years ago had important consequences in the audit profession. Its usefulness was questioned but followed the path led to a public regulation of the profession, which was forced to improve its methodology, focusing on an approach focused on business risk, based on knowledge of the business and focus on controls and risk management, as opposed to traditional auditing, too focused on exams documentary. The audit focused on the risks of the entity, the auditor seeks to understand the client's business and risks, checks how managers manage these risks, controls and validates assertions and perform test transactions to the extent strictly necessary. Formulate an appropriate audit strategy involves deeply know the client's business, business risks, control environment of the client and study and evaluate the internal control system. The objective of this research consisted, through an empirical work, in assessing the methodology currently followed in Portugal by the statutory authorized auditors, trying to analyze any flaws with the theory and then try to address contributions for improvement. The findings revealed that, despite a preference for risk-based audit of the business as a way to reduce the so-called audit risk, the same is not widely followed. Varied constraints were identified, highlighting financial constraints, lack of preparation of the audit team, as well as some difficulty in overcoming the barriers placed by customers. On the other hand, noted the lack of involvement of specialists in computer audit, which may be an important limitation to the quality of the audit work, considering the significant use of automatic processing of information. Finally, it can be concluded that financial statement users are increasingly concerned about the quality of information and the auditors' report, this is not occurring with respect to managers.
URI: http://hdl.handle.net/10400.2/3183
Aparece nas colecções:Estratégia / Strategy

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TD_JoaoRodrigues.pdf9,4 MBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.