Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.2/2945
Título: Recriar espaços e ambientes de aprendizagem : uma nova perspectiva sobre as comunidades virtuais de aprendizagem para jovens
Autor: Monteiro, Vera Cristina
Orientador: Pereira, Alda
Palavras-chave: Elearning
Ensino virtual
Comunidades virtuais
Aprendizagem
Web 2.0
Redes de conhecimento
Jovens
Conetivismo
Virtual communities
Young people
Learning ecology
Connectivism
Web 2.0
Data de Defesa: 2013
Citação: Monteiro, Vera Cristina - Recriar espaços e ambientes de aprendizagem [Em linha] : uma nova perspectiva sobre as comunidades virtuais de aprendizagem para jovens. Lisboa : [s.n.], 2013. 2 vol.
Resumo: A presente investigação procurou estudar a influência que as comunidades virtuais, enquanto espaços de comunicação e interação alargada, livres de muitos dos constrangimentos escolares, podem ter na aprendizagem dos jovens e na formação de aprendentes ao longo da vida. A investigação incidiu sobre a comunidade Web 2.0 “FQ em rede”, destinada aos jovens. Em particular, aos alunos (e professores) de Física e Química do ensino secundário, porém aberta a todos os interessados. Ao apoiar e suplementar a atividade escolar formal, a comunidade operou nas fronteiras formal/informal e escola/sociedade. Para analisar as dinâmicas emergentes elaborámos uma moldura teórica assente em três grandes correntes: conectivismo, criação de valor em comunidades e redes e teoria da atividade, acomodando focos de análise desde o nível macro (rede) ao micro (individual). O trabalho desenvolveu-se segundo a metodologia de design-based research. Ao longo de três anos de investigação, a comunidade foi sucessivamente redesenhada e reinventada, em conjunto com os participantes, procurando ir de encontro aos seus interesses e necessidades. Para além das analytics do site da comunidade e do perfil dos seus membros, foram aplicados questionários online anuais e realizadas entrevistas semiestruturadas finais. Recorremos ainda à análise sociométrica de redes sociais, para estudar os padrões de interação e participação dos atores nos vários fóruns de discussão. As diversas fontes de dados, técnicas de recolha e de análise usadas sustentaram o processo de triangulação metodológica, conferindo credibilidade aos resultados obtidos. Por operar na interface formal/informal e escola/instituições científicas, a FQ em rede constituiu-se como um switcher entre várias redes estratégicas. Da investigação ficou evidente que a escola tem na imersão em comunidades virtuais de aprendizagem, como a FQ em rede, a chave para iniciar os alunos em atividades de aprendizagem alicerçadas em processos sociais de conexão e participação, que fluem entre sistemas formais e informais, em torno de conteúdo científico. Fica evidente a necessidade de associar escola e comunidades virtuais, configurando um sistema de aprendizagem mais harmonioso, em que as generosidades parciais dos indivíduos, os seus interesses pessoais e a aprendizagem formal se integrem de forma sinérgica, limitando contradições. Esta integração configura uma ecologia de aprendizagem em sintonia com as necessidades educativas contemporâneas: desenvolver o gosto por aprender e aprender a aprender.
The present research set out to study the influence that virtual communities - as broadened spaces for communication and interaction, free of many of the constraints of school - can have on the learning of young people and the training of lifelong learners. The research focused on the community Web 2.0 “FQ em rede”, targeting young people. In particular, secondary school Chemistry and Physics students (and teachers), though it is open to any interested parties. By supporting and supplementing formal school activity the community operated on the formal/informal and school/society frontiers. To analyse the emerging dynamics, we have drawn up a theoretical framework based on three major strains: connectivism, value creation in communities and networks and the theory of activity, accommodating analysis foci from the macro level (the network) to the micro level (individual). The work was carried out according to design-based research methodology. During the course of three years of research the community has successively been redesigned and reinvented in conjunction with participants, seeking to meet their interests and needs. In addition to the analytics of the community site and the profile of its members, annual online questionnaires were carried out and final semi-structured interviews were staged. We also carried out a sociometric analysis of social networks to study the interaction and participation patterns of the actors in the various discussion fora. The various sources of data, collection and analysis techniques used supported the methodological triangulation process, lending credibility to the results obtained. As it operates on the formal/informal and school/scientific institutions interface, FQ em rede became a switcher between various strategic networks. The research made it clear that in immersion in virtual learning communities like FQ em rede the school possesses the key to starting off students in learning activities based on social connection and participation processes which flow between formal and informal systems around scientific content. There is a clear need to associate the virtual school and communities, configuring a more harmonious learning system in which the partial generosities of individuals, their personal interests and formal learning are integrated in synergetic fashion, limiting contradictions. This integration configures a learning ecology in harmony with contemporary educational needs: developing a taste for learning and learning to learn.
Descrição: Tese de Doutoramento em Educação na especialidade de Educação a Distância e Elearning apresentada à Universidade Aberta
URI: http://hdl.handle.net/10400.2/2945
Aparece nas colecções:Educação a Distância e Elearning / Distance Education and Elearning

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TD_VeraMonteiro.pdf4,23 MBAdobe PDFVer/Abrir
TD_VeraMonteiro_Anexos.pdf10 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.