Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.2/2583
Título: As práticas educativas abertas na promoção de uma cultura organizacional aprendente : o caso de estratégia de e-learning na Guarda Nacional Republicana
Autor: Monteiro, António Alexandre Duarte
Orientador: Teixeira, António
Palavras-chave: Ensino a distância
Elearning
Cursos
Polícia
Guarda Nacional Republicana
Cultura organizacional
Practices
Educational
Culture
Learning
Data de Defesa: 2012
Citação: Monteiro, António Alexandre Duarte - As práticas educativas abertas na promoção de uma cultura organizacional aprendente [em linha] : o caso de estratégia de e-learning na Guarda Nacional Republicana. Lisboa : [s.n.], 2012. 115 p.
Resumo: As práticas educativas abertas na promoção de uma cultura organizacional aprendente: O caso da estratégia de e-learning na Guarda Nacional Republicana A volatilidade da informação, aliada à vertiginosa necessidade de decisão confrontam os gestores modernos com novos desafios, constrangimentos e problemas, dependo a cada momento de informação rigorosa e oportuna, criadora de boas práticas e resultantes de adequados comportamentos e atitudes, em detrimento de erros e negligências que, quando cometidos, podem comprometer grandemente as organizações e o seu futuro. A Guarda Nacional Republicana, compreendendo a importância da formação para a qualidade do serviço desempenhado pelos seus militares, cada vez mais exigente e heterogéneo, e consequentemente, para a imagem organizacional, encetou um processo de profunda reestruturação, onde a formação assume um dos três pilares fundamentais da instituíção, que apesar dos mais de dois séculos de história, procurando, de forma proativa e inovadora incutir uma cultura de melhoria permanente. Para tal, visando conferir as competências necessárias para o desempenho funcional, grande parte da formação interna na GNR é hoje realizada em regime presencial, mas fortemente complementada pela formação a distância. Neste contexto, procura-se no presente estudo refletir sobre a existência de uma cultura organizacional, facilitadora da utilização de práticas educativas abertas e de recursos educativos abertos, como forma de promover a aprendizagem organizacional, visando a identificação de propostas e sugestões passíveis de constituir uma mais-valia para o plano estratégico para a formação assistida por tecnologias de informação e comunicação da GNR. Para tal, recorre-se à perceção de responsáveis pela formação e de formandos, sobre o seu desempenho no curso de maior importância da carreira de um Guarda – o Curso de Promoção a Cabos. Pretende-se assim contribuir para uma reflexão sobre o recurso ao e-learning e ao b-learning, suportados por um portal da formação onde são disponibilizados conteúdos e realizada tutoria, onde os militares são incitados a frequentar ações de formação, e à contribuíção ativa para a formação a distância, criando um ambiente pedagogicamente favorável à aprendizagem colaborativa aberta.
Open educational practices in promoting organizational culture learning: the case of e-learning strategy in the Guarda Nacional Republicana Volatility of information, coupled with the dizzying need modern managers decision faced with new challenges, constraints and problems, depending on each moment of accurate information and timely, creator of good practices and appropriate result of behaviors and attitudes in detriment of errors and negligence which, when committed, can greatly compromise the organizations and their future. The Guarda Nacional Republicana, understanding the importance of training for service quality played by its military, increasingly demanding and diverse, and consequently, to the organizational image, undertook a process of deep restructuring, where the training is one of the three fundamental pillars of the institution, that despite more than two centuries of history, proactively seeks to instill a culture of innovation and continuous improvement. To do so, to provide the necessary skills for the functional performance, much of the internal training on the GNR is today held in face-to-face arrangements, but strongly complemented by distance learning. In this context, the present study aims to reflect on the existence of an organizational culture, as facilitator of open educational practices and open educational resources, as a way to promote organisational learning, aiming at the identification of proposals and suggestions which constitute an asset for the GNR’s strategic plan for training assisted by information and communication technologies. To this aim, the awareness of responsible for training and trainees about their performance in the course of the utmost importance of the career of a guard - the corporal’s course Promotion. This study case intends to contribute to a reflection on the use of e-learning and blearning, supported by a training portal where are available the contents and carried out tutoring, where the military are encouraged to attend training actions, and the ative advantage of bending for distance training, creating an environment pedagogically conducive to open and collaborative learning.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Pedagogia do E-Learning apresentada à Universidade Aberta
URI: http://hdl.handle.net/10400.2/2583
Aparece nas colecções:Mestrado em Pedagogia do E-Learning / Master's Degree in Elearning Pedagogy - TMPEL

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
TMPEL_AntónioMonteiro.pdf3,44 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.