Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.2/2579
Título: Conferências 2.0 como elemento potenciador da aprendizagem formal e informal
Autor: Spilker, Maria João
Orientador: Morgado, Lina
Palavras-chave: Universidade Aberta
Educação
Educação não formal
Aprendizagem
Conferências
Comunidades virtuais
Tecnologia da informação e comunicação
Mestrado
Elearning
Conferences
Web 2.0
Formal and informal learning
Networking
Data de Defesa: 2012
Citação: Spilker, Maria João - Conferências 2.0 como elemento potenciador da aprendizagem formal e informal [Em linha]. Lisboa : [s.n.], 2012. 283 p.
Resumo: As conferências definem-se como sendo momentos privilegiados nos quais acontece partilha e construção de conhecimentos entre profissionais de uma mesma especialidade, uma comunidade de interesse, que pode vir a constituir-se como uma comunidade de prática ou mesmo de aprendizagem. Neste trabalho apresenta-se um estudo cujo principal objetivo incide sobre a caraterização de diferentes formatos de conferências e sobre a aferição das potencialidades de eventos desta natureza, sustentados pela tecnologia, dando ênfase à aprendizagem resultante ou promovida através desta prática. O referencial teórico que baliza este estudo está dividido em duas grandes áreas, conferências académico-científicas, em geral, e conferências 2.0 sustentadas por Tecnologias de Informação e Comunicação, em particular. Emprega-se uma abordagem qualitativa e descritiva de recolha e análise de dados. Partindo da revisão da literatura, foram desenvolvidos dois inquéritos por questionário online. Num primeiro questionário foram inquiridos organizadores de conferências internacionais dos últimos dois anos com a finalidade de caraterizar tipos de eventos, formas de planeamento e realização, assim como as ferramentas utilizadas. Em paralelo, num segundo questionário inquiriu-se sobre a Conferência myMPeL, 2011. As conclusões do estudo apontam para uma grande diversidade de eventos com caráter académico-científico. Há, contudo, evidências de uma subutilização dos serviços da Web 2.0 - indicativo de um desaproveitamento das valências destas ferramentas para potenciar a aprendizagem e fomentar ou consolidar comunidades de prática e/ou aprendizagem. Foi também possível concluir que as Conferências 2.0 constituem um vasto campo que merece ser objeto de investigação mais aprofundada, sobretudo por se visionar como um ponto de cruzamento de várias áreas do conhecimento, como sejam, Educação, Gestão, Marketing, Psicologia, detendo, por isso, uma dinâmica muito própria. Espera-se com este estudo poder não apenas contribuir para o sucesso de futuras edições da Conferência myMPeL, mas também de conferências académico-científicas sustentadas por Tecnologias da Informação e Comunicação, nomeadamente, da Web 2.0.
Conferences are defined as being privileged moments in which a construction and sharing of knowledge between professionals in the same field occurs; a community of interest that might constitute itself as a community of practice or even learning. This dissertation presents a study with the main objective of characterizing different conference formats and assessing the potential of such events supported by technology, with a focus on learning which results or is promoted by this practice. The theoretical basis of the study is divided into two broad areas: academic and scientific conferences, in general, and conferences 2.0 supported by Information and Communication Technologies, in particular. A qualitative and descriptive data collection and analysis is adopted. Based on the literature review, we developed two online questionnaires. The first questionnaire was applied to organizers of international conferences from the past two years in order to characterize types of events, ways of planning and implementation, as well as the tools used. At the same time, a second questionnaire was implemented to inquire about the myMPeL, 2011 Conference. The results indicate a great diversity of events with academic and scientific nature. However, there is some evidence of Web 2.0 services underutilization - indicative of a weak use of these tools’ potential to enhance learning and to foster or consolidate communities of practice and/or learning. It was conclude that 2.0 Conference constitute a vast field that deserves to be the subject of further research, particularly because they envision a crossroad of various knowledge fields, such as, Education, Management, Marketing, and Psychology, therefore being guided by their own dynamics. We hope that this study may contribute not only to the success of future editions of myMPeL Conference but also to academic and scientific conferences supported by Information and Communication Technologies, namely Web 2.0 services.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Pedagogia de E-Learning apresentada à Universidade Aberta
URI: http://hdl.handle.net/10400.2/2579
Aparece nas colecções:Mestrado em Pedagogia do E-Learning / Master's Degree in Elearning Pedagogy - TMPEL

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
MªJoãoSpilker_MPEL.pdf7,94 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.