Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.2/2322
Título: O movimento associativo popular português : estudo e proposta de modelo para o exercício da cidadania ambiental
Autor: Rodrigues, Carlos Teófilo Mesquita
Orientador: Azeiteiro, Ulisses
Carmo, Hermano
Palavras-chave: Associativismo
Participação social
Cidadania
Meio ambiente
Qualidade do ambiente
Educação ambiental
Associações
Environmental citizenship
Portuguese Popular Social Movement
Environment
Citizenship exercising
Associations
Models
Data de Defesa: 2012
Citação: Rodrigues, Carlos Teófilo Mesquita - O movimento associativo popular português [Em linha] : estudo e proposta de modelo para o exercício da cidadania ambiental. Lisboa : [s.n.], 2012. 120 p.
Resumo: Deparamos-nos com uma lacuna ao nível do estudo específico da dimensão ambiental no movimento associativo representado pelas coletividades de cultura, recreio e desporto. Trata-se de um grupo ou setor extremamente importante na sociedade portuguesa atual, constituído por cerca de 30000 coletividades geridas por 450 000 dirigentes associativos. Constata-se, após a investigação realizada no âmbito do presente estudo, que a intervenção ambiental deste tipo de coletividades e o exercício da cidadania ambiental por parte dos seus associados é nula ou no mínimo incipiente, não estando as mesmas atualmente sensibilizadas para a temática. O campo de ação que nelas existe, é um território virgem imensamente rico que merece a concertação de esforços para a definição de uma metodologia de ação que possibilite replicar iniciativas ambientais, na maioria das vezes levadas a cabo pelas organizações não-governamentais de ambiente sem o impacto devido e desejado. Apresentam-se assim neste trabalho as propostas de modelo conceptual e operacional que podem viabilizar, no terreno, a implementação do exercício da cidadania ambiental por parte das referidas coletividades e, deste modo, ir ao encontro da recetividade demonstrada pelas entidades entrevistadas para o efeito.
There is a gap concerning the specific study of the environmental dimension of the national social movement represented by leisure, culture and sports associations. It is really a very important sector of the current Portuguese society, composed of 30000 associations managed by around 450 000 association directors. It can be concluded, after the research period developed during this study, that the environmental role and intervention of these types of associations, as well as the exercise of environmental citizenship by their associates, is nonexistent. They are not aware of the environmental topic. There is a huge and very rich field within this sector which deserves that all efforts should be made towards the definition of a methodology enabling a repeated cycle of environmental initiatives currently promoted only by non-governmental environmental organizations without the desired impact. This study presents a group of measures regarding a conceptual and operational model aiming to allow, in the theatre of operations, the implementation of environmental citizenship by these types of associations. In this way it will be possible to fulfil the expectations they have revealed during interviews.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Cidadania Ambiental e Participação apresentada à Universidade Aberta
URI: http://hdl.handle.net/10400.2/2322
Aparece nas colecções:Mestrado em Cidadania Ambiental e Participação / Master's Degree in Environmental Citizenship and Participation - TMCAP

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao_UAB_05_JULHO_2012 Carlos Rodrigues.pdf798,38 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.