Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.2/2303
Título: Cartas a Sandra : a simbiose entre o privado e o filosófico
Autor: Santos, Sandra Maria Cabral dos
Orientador: Vila Maior, Dionísio
Rodrigues, Isabel Cristina
Palavras-chave: Literatura portuguesa
Existencialismo
Neorrealismo
Autobiografias
Dialogismo
Receção
Neorealism
Existentialism
Autobiography
Epistolarity
Theory of reception
Dialogism
Data de Defesa: 2012
Citação: Santos, Sandra Maria Cabral dos - Cartas a Sandra [Em linha] : a simbiose entre o privado e o filosófico. [S.l.] : [s.n.], 2012. 145 f.
Resumo: O ónus desta pesquisa recai sobre a análise do romance Cartas a Sandra, uma obra de Vergílio Ferreira, intimista e confessional, que, num derradeiro exercício de arte poética, conglutina temas e elementos fulcrais na conceção de um todo universal, promovendo, numa coerência fenomenológica, a junção de composições que dialogam intensamente entre si. Dum vasto território literário, elegemos o romance epistolar, diário memorialístico ou ensaio sobre a vida, cujo sentido de contiguidade se revela no encerramento que o mesmo constitui no que diz respeito não só às obras vergilianas, como à vida do próprio autor. Por conseguinte, no presente trabalho, procuraremos destacar o romance como espaço privilegiado, passível de realizar a síntese do pensamento vergiliano sob diversas formas de expressão. Assumindo uma perspetiva hermenêutica, procederemos à análise da obra com base na interpretação, colocando diferentes questionamentos que cercam a construção ficcional do texto em estudo. Assim, numa primeira instância, e sempre de acordo com uma atitude que pretendemos seja rigorosa, analisaremos, por um lado, os caminhos teóricos das correntes do neorrealismo e do existencialismo que permeiam a construção ficcional do romance em estudo; por outro lado, estabeleceremos as características do registo epistolar, contrapondo as suas diversas manifestações. Sequentemente, procuraremos contextualizar histórica e culturalmente a obra em análise, optando por uma incursão exaustiva no romance Cartas a Sandra. Neste sentido, tentaremos compreender a significação que presidiu à seleção do género epistolar, de reduzida informatividade, para a produção dos textos, determinando a sua funcionalidade, na ótica da estética jaussiana da recepção. Concludentemente, procederemos a um estudo comparativo com outras obras do autor, numa afinidade dialógica, fazendo aproximar as suas similitudes, nomeadamente de índole autobiográfica, o que permitirá, desse modo, irmanar alguns dos elementos que constituem o cerne temático desta investigação.
The purpose of this research is to analyse the novel Cartas a Sandra, written by the Portuguese author Vergílio Ferreira. Cartas a Sandra, an intimate and confessional work, associates, in a last exercise of poetic art, themes and key elements in order to construct an universal whole, promoting, in a phenomenological consistency, the junction of different compositions and the intense dialogue between them. From a vast area of literature, we chose the epistolary novel, memoir or essay on daily life, whose sense of contiguity is revealed at the end, not only in what concerns Vergílio’s works but also the life of the author himself. Therefore, with the present study, we aim to highlight the novel as a privileged space, capable of performing the synthesis of Vergílio Ferreira’s thoughts beneath various forms of expression. Assuming a hermeneutic perspective, we intend to analyse this work based on the interpretation by placing different questions surrounding the fictional construction of the text being studied. Thus, in the first instance, and always in accordance with an attitude that we want to be rigorous, we will analyze, on the one hand, the theoretical paths of the currents of neorealism and existentialism that permeate the novel's fictional construction under study, and, on the other hand, establish the characteristics of the epistolary record, contrasting its various manifestations. Afterwards, we’ll seek historically and culturally contextualize the work under review, opting for a comprehensive foray into the novel Cartas a Sandra. In this sense, we’ll try to understand the significance that led to the selection of the epistolary genre, a genre characterized by its reduced informativeness for the production of texts, determining its functionality, in the view of aesthetics “jaussiana” reception. Conclusively, we will conduct a comparative study with other works of the same author, a dialogue of affinities, making approximate their similarities, particularly autobiographical, and thus fraternize some of the elements that constitute the core theme of this investigation.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Estudos Portugueses Multidisciplinares apresentada à Universidade Aberta
URI: http://hdl.handle.net/10400.2/2303
Aparece nas colecções:Mestrado em Estudos Portugueses Multidisciplinares / Master's Degree in Multidisciplinary Portuguese Studies - TMEPM

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
Cartas a sandra a simbiose entre o privado e o filosófico.pdf980,25 kBAdobe PDFVer/Abrir    Acesso Restrito. Solicitar cópia ao autor!


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.