Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.2/2015
Título: Parentalidade(s) nas famílias nucleares contemporâneas com crianças em idade pré-escolar : dimensões, desafios, conflitos, satisfação e problemas
Autor: Mesquita, Margarida Maria Rosa
Orientador: Torres, Anália Cardoso
Carmo, Hermano
Palavras-chave: Sociologia
Família
Sociedade em mudança
Relações familiares
Mulheres
Emprego das mulheres
Relações pais-filhos
Vida familiar
Estudo de casos
Parenthood
Parental involvement
Co-parenthood
Work-family conciliation
Socio-educational solutions
Data de Defesa: 2011
Citação: Mesquita, Margarida Maria Rosa - Parentalidade(s) nas famílias nucleares contemporâneas com crianças em idade pré-escolar [Em linha] : dimensões, desafios, conflitos, satisfação e problemas. [S. l. : s.n.], 2011. 2 vol.
Resumo: As mudanças ocorridas nos últimos séculos, nas sociedades ocidentais em geral e nas famílias em particular, conduziram a transformações na forma de conceber a parentalidade, de a exercer, e, até, nas expectativas criadas em torno da mesma. Destacam-se entre essas mudanças, pelo seu impacto na parentalidade, a crescente integração das mulheres no mercado de trabalho, o crescente interesse pelas crianças e a dinâmica gerada em torno do Estado Providência. Constitui, por isso, um desafio para a sociologia da família conseguir compreender aquela realidade, identificar possíveis problemas e compreender as suas inter-acções. É para a compreensão e explicação destas novas realidades que o presente estudo pretende contribuir permitindo assim o melhor conhecimento da parentalidade nas famílias nucleares contemporâneas. Para o efeito, foi realizado um inquérito por questionário a uma amostra de progenitores (200 mães e 158 pais), cujos filhos, no ano lectivo de 2008/2009, frequentavam os Jardins de Infância da rede pública do concelho da Amadora e viviam numa família nuclear: em que ambos os progenitores trabalhavam a tempo inteiro e eram de nacionalidade/naturalidade portuguesa; e os filhos eram todos biológicos e não estavam sinalizados como tendo necessidades educativas especiais. Na pesquisa foram analisadas as representações, expectativas e práticas relativas à parentalidade o que permitiu caracterizar a mesma em duas das suas dimensões principais - o envolvimento parental e a co-parentalidade - e em dois dos seus mais importantes desafios - a conciliação da esfera do trabalho com a da parentalidade e o encontrar de soluções socioeducativas e de guarda das crianças nos períodos em que os progenitores se dedicam ao trabalho. São identificados alguns problemas e suas inter-relações o que permitiu concluir que a parentalidade nas famílias nucleares contemporâneas além de complexa é diversa, associa diferentes tipos e graus de problemas, e é também diversificada, existindo perfis diferentes de progenitores.
The changes occurred in the last centuries, in western societies in general and particularly in families, have led to transformations in the way of conceiving, and exercising, parenthood, and even in the expectations built on this concept. Thus, and due to the impact on parenthood, we emphasise the growing interest on children and the dynamics of the Welfare State. It is, therefore, a challenge to family‟s sociology to understand this reality, identify possible problems and understand its interactions. The main aim of the present study is thus to make a significant contribution to the understanding of parenthood on nuclear contemporary families. To this purpose, it was applied a questionnaire to a sample of parents (200 mothers and 158 fathers), whose children, in 2008/2009, attended public kindergartens in Amadora, and belonged to a nuclear family, where both mother and father had a full-time job, were Portuguese, and who had only biological children without special educational needs. In this research were analysed the representations, expectations and practises, related to parenthood, which allowed to characterize this concept in two of its main dimensions – parental involvement and co- parenthood – and also in two of its most important challenges – work-parenthood conciliation as well as finding socio-educational and children care-taking solutions, in the periods when parents are at work. There are also identified some problems and its interrelations, which allowed us to come to the conclusion that parenthood, in nuclear contemporary families, is complex and besides this diverse, associating different types and levels of problems, and it is also diversified, existing different profiles of progenitors.
Descrição: Tese de Doutoramento em Sociologia na especialidade de Sociologia da Família apresentada à Universidade Aberta
URI: http://hdl.handle.net/10400.2/2015
Aparece nas colecções:Sociologia da Família / Family Sociology



FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.