Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.2/1447
Título: Impacto da gestão participativa por objectivos na gestão da qualidade
Autor: Pires, Carlos Alberto Colaço
Orientador: Pires, António Ramos
Palavras-chave: Gestão de empresas
Serviços de saúde
Hospitais
Gestão da qualidade
Controlo da qualidade
Certificado de qualidade
Estratégias de gestão
Data de Defesa: 2010
Resumo: Este trabalho desenvolve-se em duas épocas distintas: A primeira onde se realiza uma investigação durante os anos de 1998-1999, sobre o papel dos Administradores Delegados face ao impacto da gestão participativa por objectivos na gestão da qualidade, onde se foi averiguar se nas modalidades quotidianas de acção de gestão, por parte dos Administradores Delegados se estruturam estratégias que permitam a operacionalização da Gestão Participativa por Objectivos, enquanto vertente estratégica da gestão da qualidade. Neste sentido utilizou-se o universo dos hospitais públicos portugueses, onde havia a existência formal de comissões da qualidade e foram aplicados questionários para recolha de informação. Dos dados obtidos conclui-se que a Gestão Participativa por Objectivos, enquanto vertente estratégica para a Gestão da Qualidade, ocorria através da operacionalização dos saberes de gestão que os Administradores Delegados transportavam nos diferentes contextos hospitalares e evidenciou-se que a experiencia profissional era um factor facilitador para ultrapassar constrangimentos organizacionais que dificultavam a operacionalização dos métodos e instrumentos da Gestão Participativa por Objectivos. A segunda época realizou-se no último trimestre do ano 2009 onde foi retratado as alterações legislativas que ocorreram na última década e que facilitaram o desenvolvimento da Gestão Participativa por Objectivos e a implementação de sistemas de certificação e acreditação da qualidade nos hospitais portugueses. Neste sentido efectuou-se uma consulta de Diplomas Legislativos e seleccionaram-se aqueles que se consideraram fundamentais para promover o referido desenvolvimento e, verificou-se que a legislação evoluiu no sentido de facilitar a introdução de metodologia de gestão participativa por objectivos, conclui-se também que apesar de existir uma grande panaceia de legislação sobre a matéria em estudo, que os mesmo contribuíram para que diversas instituições de saúde obtivessem acreditação e certificação na área da qualidade e que no final do ano 2009 ficou clarificada a estratégia da qualidade para os serviços de saúde.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Gestão da Qualidade apresentada à Universidade Aberta
URI: http://hdl.handle.net/10400.2/1447
Aparece nas colecções:Mestrado em Gestão da Qualidade / Master's Degree in Quality Management - TMGQ

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
IMPACTO DA GESTÃO PARTICIPATIVA POR OBJECTIVOS (versão digit.pdf3,6 MBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.