Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.2/1291
Título: Advantages of using rules in online SURVEYS
Autor: Urbano, Paulo
Palavras-chave: Expert systems
Knowledge base
Intelligent online survey
Rule-based systems
Inconsistency detection
Sistemas baseados em regras inteligentes
Inquéritos “Online”
Bases de conhecimento
Sistemas periciais
REA
Data: 2008
Editora: Universidade Aberta
Citação: Urbano, Paulo - Advantages of using rules in online SURVEYS. "Revista de Ciências da Computação". ISSN 1646-6330. Ano 3, vol. 3, nº 3 (2008), p. 38-49
Resumo: In this paper we present De.:SID, a rule-based Intelligent Online Survey program. We have incorporated three rule knowledge bases in a standard online survey architecture that are used to control three vital components on a survey: (1) the dependencies between questions, i.e. the structure and survey branching logic, (2) the decision regarding the selection of the next question to be asked, and (3) the inconsistency detection between answers to different questions. These rule-based components allow us to escape a predetermined question sequence, achieving flexibility and adaptability to the user’s answers; besides, they enhance usability allowing an easy navigation along the different survey questions and the possibility to backtrack and revise the answers, at any moment, without loosing global coherence. There is an explicit treatment of inconsistent situations by exposing them and inviting the user to revise his answers. De.:SID benefits from the qualities that are generally associated with rulebased systems: (1) separation from other system elements (database, middleware and web graphical user interfaces) allowing its explicit management, reusability and independent modification, (2) externalization which allows everyone to know and understand the decision making process, and finally (3) easy modification of rules that are modular and can be easily deleted, inserted or changed. Resumo: Neste artigo, descrevemos o De.:SID, uma aplicação dos Sistemas Baseados em Regras a um programa de inquérito “online” inteligente. Incorporámos no programa três bases de conhecimento baseadas em regras que controlam três componentes vitais num inquérito: (1) as dependências entre as várias perguntas e as respostas, ou seja a própria estrutura e a lógica de ramificação do inquérito; (2) a decisão quanto à selecção da próxima pergunta a ser colocada, e (3) a detecção de inconsistências entre as várias respostas. Estes componentes permitem que não se imponha uma ordem pré-determinada na colocação das perguntas, dotando o sistema de flexibilidade e capacidade de adaptação às respostas do utilizador; permitem também uma fácil e livre navegabilidade ao longo das várias perguntas e a possibilidade da revisão das respostas sem perder a coerência do inquérito. As situações de inconsistência nas respostas podem ser representadas, expondo as respostas envolvidas e convidando o utilizador a rever uma dessas respostas. De.:SID beneficia das qualidades que estão normalmente associadas ao uso de regras: (1) a separação e independência face aos restante componentes do sistema, (2) a exposição e a transparência dos processos de tomada de decisões associados ao inquérito, e, (3) a rápida e fácil mudança das regras devido à sua modularidade.
URI: http://hdl.handle.net/10400.2/1291
ISSN: 1646-6330
Aparece nas colecções:REA - Revista de Ciências da Computação
Revista de Ciências da Computação

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
p_38_49. pdf.pdf98,53 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.