Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10400.2/1150
Título: O absurdo ou o diálogo dos possíveis em Guimarães Rosa e Mia Couto
Autor: Pires, Luís Filipe Cerdeira Leitão
Orientador: Padeira, Ana Rita
Palavras-chave: Mia Couto
João Guimarães Rosa
Lusofonia
Literatura brasileira
Século XX
Viagem
Estradas
Fronteiras
Sonho Americano
Data de Defesa: 2007
Citação: Pires, Luís Filipe Cerdeira Leitão - O absurdo ou o diálogo dos possíveis em Guimarães Rosa e Mia Couto [Em linha]. [Lisboa] : [s.n.], 2007. 145 p.
Resumo: Constitui objectivo do presente trabalho apreender as manifestações do absurdo plasmadas na ficção de João Guimarães Rosa e Mia Couto, procurando fixar semelhanças e diferenças das mesmas figurações. Assim, no primeiro capítulo, procurámos pôr em evidência a ruptura literária de cada escritor contextualizado no universo literário do seu país. No segundo capítulo, procurámos identificar intertextualidades sob um enquadramento comparatista, aproximando campos temáticos no universo da lusofonia. Em seguida, no capítulo terceiro, procedemos a uma reflexão dedicada ao conceito do absurdo, sob o prisma da filosofia. Por fim, no quarto capítulo, analisámos o horizonte textual, procurando fazer o levantamento dos elementos que nos permitissem chegar às figurações do absurdo. Nas conclusões, procurámos sistematizar as ideias mais importantes que aproximam e diferenciam os escritores em causa face ao tema do absurdo.
Descrição: Dissertação de Mestrado em Literaturas Lusófonas Comparadas apresentada à Universidade Aberta
URI: http://hdl.handle.net/10400.2/1150
Aparece nas colecções:Mestrado em Literaturas Lusófonas Comparadas / Master's Degree in Comparative Lusophone Literatures - TMLLC

Ficheiros deste registo:
Ficheiro Descrição TamanhoFormato 
luis filipe pires1.pdf918,55 kBAdobe PDFVer/Abrir


FacebookTwitterDeliciousLinkedInDiggGoogle BookmarksMySpace
Formato BibTex MendeleyEndnote Degois 

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.